sexta-feira, 7 de julho de 2017

TARAUACÁ: Hospital de Câncer de Barretos será um novo aliado contra essa terrível doença infanto-juvenil no Acre - Já são 54 anos de batalhas sem desistir


Tivemos ontem (06), no auditório do CEDUP em Tarauacá a visita do responsável pela ‘Captação de Recursos’ doHCB (Hospital de Câncer de Barretos), o senhor Anísio Mendes já que essa instituição de referência sobrevive primordialmente de doações beneficentes. 


Anísio veio mostrar a grandeza (em todos os sentidos), daquele hospital, coisa inimaginável para quem, assim como eu, só ouvia falar, é comovente e impressionante, dada sua organização e tratamento humanizado, lá as pessoas tratam as outras, como gostariam de serem tratadas, um tostão não difere de um milhão, por isso a palestra se propôs a alcançar dois objetivos básicos e o 1º objetivo é angariar fundos.


Para quê angariar fundos?


Primeiramente para contribuir com a construção da sua sede no Acre, em Rio Branco mais exatamente na estrada do Amapá em frente ao Corpo de Bombeiros. 



Unidade em Rio Branco - Trabalho de terraplanagem já está quase concluído, previsão de entrega para 2018

Um serviço prestado de tão ampla relevância social que o SUS não cobre nem 50% dos custos necessita de pessoas de bom coração assim como você. Para se ter uma ideia básica, uma ampola de quimioterapia usada de origem nacional custa na rede pública cerca de R$ 150,00, mas devido ao serviço de excelência que o hospital se propõe a disponibilizar para as crianças, o hospital usa ampolas importadas de última geração que custam nada mais nada menos que R$ 900,00, o que faz com que o índice de cura entre crianças venha aumentando gradativamente ano após ano para 55%.


O 2 º objetivo é fazer um diagnóstico precoce para que essa taxa de 55% aumente ainda mais, e para isso faz-se mister a construção dessa unidade em Rio Banco o mais rápido possível porque temos muitas acreaninhos indo para Barretos, se formos comparar com os níveis atingidos nos Estados Unidos que é de 95% o nosso ainda é baixo.



Primeiros colaboradores - semente plantada

Doação vem do latim DONARE, “dar um presente”, de DONUM, “presente, dom”. Então dê um presente de maior importância a uma criança que é a sua vida. 

Como doar

Existem várias formas de doação, como vocês podem ver clicando (aqui), mas duas se destacam pela sua relevância na divulgação.

A primeira são leilões efetuados pelo agronegócio que rendem uma boa renda como no exemplo abaixo nas cidades de Rio Branco e Vila Campinas conforme a pôsteres e abaixo.





Kit vendido em Tarauacá

A segunda maneira é adquirindo kits da Caminhada 'Passos que Salvam'lembrando que o município que adere a essa caminhada ganha a capacitação de um médico e dois enfermeiros além de ter contato direto com o HCB.

Aqui em Tarauacá a Caminhada 'Passos que Salvam' já está marcada para o dia 26 de Novembro, e o kit com a camisa, boné e a squeeze (garrafa para colocar água), para se reidratar durante a caminhada custa somente R$ 35,00. Os interessados podem procurar a Benoci na SEMSA (Secretaria Municipal de Saúde), parceira nessa nobre causa.

Construção da unidade em Porto-Velho




POSTADO POR PALAZZO
BLOG TARAUACÁ NOTÍCIAS

quarta-feira, 5 de julho de 2017

Lei do Ex - prefeito Rodrigo traz algo inédito ao Brasil





O ex- prefeito  de Tarauaca- Acre o Medico  Rodrigo Rodrigo Damasceno ,que governou o município de 2013 a 2016. Em 2014 sancionou uma Lei Complementar Nº 005/2014 de 29 de dezembro de 2014.Do Plano carreira e salário do funcionários municipais,  a lei foi no mínimo bizarra,na planilha de valores dos salários dos servidores tem algo inédito para o Brasil ,no mínimo trazia um estímulos  pra quem estudar menos ganhar mais. Entenda na planilha mencionada, vamos pegar apenas alguns exemplos, é o único lugar do Brasil onde o Auxiliar de Enfermagem  vai ganhar o dobro do Técnico de Enfermagem, esse é apenas um dos exemplos.
Esta lei foi criada em 2014 e sancionada pelo prefeito em fevereiro de 2015.Como o então prefeito não cumpriu a sua própria lei,não pagou esse plano,feito por ele até o final de seu mandado, dezembro de 2016. Quando a nova administração assumiu a prefeitura a atual prefeita Marilete Vitorino, estava com uma bomba nas Mãos, Foi então que os servidores juntos com o  Sindicato da categoria, Sindicatos dos Trabalhadores Municipais de Tarauacá, (SIMTAR) moveram uma ação na justiça do trabalho, alegando para que lei fosse cumprida e inclusive pedindo retroativo desde a data que a foi sancionada. Em junho de 2017 a justiça deu ganho de causa os  servidores para que a lei seja cumprida , e parti do salários de julho os servidores que enquadram no Plano serão contemplado.
De acordo  com a lei e a planilha do plano, vale ressaltar alguns cargos, medico por exemplo que estudou bem mais de quer um Auxiliar de enfermagem, mesmo assim terão o mesmo salário, o enfermeiro que estudo bem mais que o auxiliar administrativo  terão  o mesmo salário, o Odontologo que estudou bem mais que  o digitador, terão salários equiparados, o Técnico de Enfermagem que estudou um pouco a mais que o auxiliar de Enfermagem,vai ganhar metade do salário deste.
Nada contra os auxiliares de Enfermagem, porque também sou Auxiliar de enfermagem, mas  acredito que o plano teria pelo menos ter equiparado os salários destes profissionais






terça-feira, 27 de junho de 2017

PREFEITA MARILETE PARTICIPA DE ENCONTRO COM MINISTRO DA SAÚDE



A prefeita de Tarauacá Marilete Vitorino que também é presidente da AMAC – Associação dos Municípios do Acre, participou de uma série de atividades em Rio Branco nesta segunda feira, 26 de junho, por ocasião da vinda do Ministro da Saúde Ricardo Barros ao estado do Acre.
Na sede da AMAC a prefeita participou e coordenou uma reunião de trabalho com 14 prefeitos, gestores públicos do setor da saúde, secretários municipais e representantes de instituições ligadas à saúde pública. Participaram também Senador Gladson Cameli, deputados federais, estaduais e vereadores.
No início, a prefeita deu boas vindas a todos e agradeceu especialmente ao ministro pela sua disposição de vir ao Acre ouvir os gestores e os representantes do povo. Marilete fez referências também ao Senador Gladson Cameli, principal articulador da vinda do representante do governo federal. 
Depois a presidente passou a palavra para o ministro que fez uma palestra mostrando os avanços do setor em um ano de gestão no Brasil e anunciou R$ 6,5 milhões de investimentos para o estado do Acre. Serão R$ 6,45 milhões anuais para ampliar a assistência no estado, dos quais R$ 4,7 milhões serão destinados à Rede de Urgência e Emergência de Rio Branco e Cruzeiro do Sul e o restante para os serviços de atenção básica em 11 municípios. Cruzeiro do Sul, Sena Madureira e Senador Guiomard serão beneficiados com três ambulâncias para renovação da frota.




Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Tarauacá

Curso técnico aumenta as chances de empregabilidade; entenda

Com duração menor, curso técnico pode ser opção do primeiro emprego ou da atualização de um profissional que já está no mercado



Em tempos de desemprego em alta, escolher um curso que proporcione acesso mais rápido a uma vaga faz toda a diferença. Um caminho para agilizar essa ponte entre a escola e o mercado de trabalho pode ser o curso técnico.
Com duração menor que a graduação e com estágio obrigatório, que garante a experiência antes de deixar a sala de aula, o ensino técnico aumenta as chances de empregabilidade. Quem opta por essa modalidade, geralmente, é lançado ao mercado no período que varia de seis meses a dois anos. Há exceções na área da saúde, com maior duração. Essa é a opção, geralmente, de quem busca o primeiro emprego ou está atrás de uma atualização.
“O profissional formado no ensino técnico recebe a preparação teórica e prática, finaliza o curso pronto e atualizado para entrar no mercado”, ressalta Sônia Maria Ventura, diretora e mantenedora do Centro de Estudos Técnicos da Bahia (Cetecba).
O curso pode ser feito em dois formatos. Concomitante ao Ensino Médio regular, a partir do segundo ano, ou no formato pós-médio, quando o jovem já concluiu essa etapa escolar. Entre as áreas com maior demanda por profissionais, Sônia destaca a da Saúde e a de Tecnologia. A primeira porque a população está envelhecendo e é crescente a demanda por profissionais, como técnico em enfermagem para atuar em clínicas, postos de saúde e hospitais. Já o ramo de Tecnologia está em constante ebulição. “O profissional que acumula mais de um curso técnico está na frente por ter maior conhecimento, atualização. Se tiver um segundo idioma, então, suas chances de empregabilidade aumentam muito”, garante a professora.
Primeira experiência x atualização
Por ter um formato mais curto, o técnico permite ao jovem experimentar na prática o seu futuro mercado antes de optar por uma faculdade, de maior duração e custo superior. O rápido ingresso na carreira garante um salário e pode ajudar a financiar o investimento em uma universidade, se a intenção for buscar uma graduação. O técnico é uma opção também de atualização e recolocação do profissional que já está no mercado.
É o caso de Carlos Eduardo Cordeiro, 37 anos, técnico em Enfermagem há uma década que agora frequenta curso técnico em Radiologia no Cetecba, em Feira de Santana. Casado e pai de três filhos, ele estará formado no fim de 2017 e espera melhorar seus rendimentos com a nova qualificação. “Gosto do que faço, mas o salário é apertado para bancar todas as despesas da família. Espero, com essa nova qualificação, ser aproveitado na nova função e aumentar meus rendimentos”, projeta.
Cordeiro só está conseguindo estudar porque conta com uma bolsa de 50% do Educa Mais Brasil, programa que concede o benefício para quem não tem condições de pagar integralmente a mensalidade. “Se não fosse o Educa Mais Brasil, eu não teria voltado a estudar”, afirma.
O programa Educa Mais Brasil oferece bolsas de estudos da creche à pós-graduação, assim como em cursos de idiomas e profissionalizantes. Entre no site www.educamaisbrasil.com.br e veja se há cursos habilitados à bolsas na sua cidade.


G1

sexta-feira, 23 de junho de 2017

(Milagre de Deus ) Por que carvalhos e castanheiras salvaram pequeno sítio do megaincêndio em Portugal

Foto mostrando 'ilha verde' em meio à destruição viralizou; botânico brasileiro explica que essas espécies, por serem folhosas e densas, diminuem a temperatura e armazenam água no solo, impedindo propagação do fogo.

Sítio em Portugal foi protegido por árvores como carvalhos e castanheiras durante incêndio (Foto: Cortesia do Jornal de Notícias)


Na última semana, um incêndio de grandes proporções matou 64 pessoas e deixou mais de 200 feridos em Portugal. Mas um sítio em Figueiró dos Vinhos, na região onde ocorreu a tragédia, ficou supreendementemente ileso.
Uma foto publicada no Facebook nesta semana mostra como o sítio se tornou uma pequena ilha verde em meio às cinzas deixadas pelas chamas.
A imagem foi compartilhada mais de 2 milhões de vezes no Facebook e recebeu mais de 1,5 milhão de reações.
O que mais chama a atenção na foto é o fato de dezenas de árvores e uma casa se manterem intactas em meio ao cenário de devastação.

É como se uma barreira formada por carvalhos, castanheiras, oliveiras e sabugueiros tivesse impedido o avanço do fogo.
"Apesar de não ser a minha propriedade, achei importante partilhar a imagem para demonstrar que as árvores nativas podem ser muito efetivas no combate ao fogo", explicou a mulher que tirou a foto, Tania Sullivan, ao jornal português "Jornal de Notícias".
O botânico Ricardo Cardim explicou à BBC Brasil que as árvores formaram um bolsão de umidade, que inibiu a destruição do sítio.
"Essas espécies com certeza impediram a destruição do sítio. Isso ocorreu porque elas são muito folhosas e densas. Quando estão com folhas, no verão, apresentam uma copa volumosa, o que causa uma diminuição significativa da temperatura, além de armazenar água no solo", afirmou o especialista brasileiro.
Cardim explicou ainda que é muito raro uma floresta com essas características ser atingida por um incêndio.
"Nas áreas preservadas da floresta amazônica, por exemplo, é quase impossível pegar fogo, mesmo nas estações secas", disse.
Para o botânico, que avalia a foto como chocante, o dono do sítio deve, inclusive, plantar mais árvores para proteger ainda mais sua propriedade.

"Ele tem que dar um beijo e um abraço em cada uma das árvores e cuidar muito bem delas."

FRANCISCO MARCELINO PAI DE 10 FILHOS




Este senhor é Francisco Marcelino, de 54 anos, morador do seringal Pacutí Rio Muru 4 dias de barco da cidade de  Tarauacá .Segundo ele mora lá há 39 anos  desde de criança, cresceu construiu família e hoje pai de 10 filhos, todos vivos.


Esta da foto com sua esposa  é a Camila a mais nova da turma com apenas 7 anos de idade

TARAUACÁ É RECONHECIDO PELO EXCELENTE TRABALHO NA CAMPANHA CONTRA A INFLUENZA



O Município de Tarauacá teve o reconhecimento pelos relevantes trabalhos realizados na ação desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde, dentro da Campanha de Imunização Contra a Gripe (Influenza).

Com o advento do dia “D”, Campanha Nacional de Vacinação Contra a influenza-2017, ocorrido entre 17 de abril e 26 de maio, o município de Tarauacá chegou a vacinar mais de 10 mil pessoas, uma representatividade de 94,90% do público alvo, deixando o município entre os primeiros a alcançar a meta estipulada pela Secretaria de Estado de Saúde. 

A equipe de Imunização se antecipou aos outros municípios e deu inicio aos trabalhos de imunização contra a gripe no dia 10 de Abril, uma estratégia da Coordenadoria Municipal de Imunização, para alcançar a meta estipulada pelo Ministério da Saúde, por conseguinte dá antecipação o município ficou entre os primeiros a atingir a meta de imunização contra a Infruenza-2017, tendo seus trabalhos reconhecidos pela Secretaria de Estado de Saúde. 

Em face ao reconhecimento, o município de Tarauacá foi contemplado com a “Operação Gota”, executado pela Força Área Brasileiro (FAB), quando na ocasião foi ministradas mais de 358 doses nas comunidades ribeirinhas, se estendendo em algumas localidades do município de Jordão. Também foram realizadas missões de apoio Social e Humanitário, junto às populações ribeirinhas e indígenas, atuando, principalmente, na campanha de vacinação do Ministério da Saúde. A “Operação Gota” beneficia comunidades rurais de difícil acesso.





Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Tarauacá